EuSouSemente

28 05, 2018

Empatia favorece inclusão de crianças com necessidades especiais no ambiente escolar

2018-05-28T14:21:58+00:00 Semente na Escola|

Eduardo Calbucci, um dos criadores do Programa Semente, defende empatia como a principal conduta Um dos desafios da educação é a inclusão de crianças com necessidades especiais no ambiente escolar. Não é raro encontrar casos em que tanto alunos quanto professores têm enormes dificuldades na hora de lidar com a questão. Para Eduardo Calbucci, educador e um dos criadores do Programa Semente, a empatia é o melhor caminho para garantir a integração e gerar um ambiente de harmonia. “Assumir a perspectiva do outro, sobretudo quando estamos diante de valores diferentes dos nossos, é fundamental para viver em um mundo cada vez mais marcado pela diversidade. Exercer a empatia significa criar elos e estabelecer uma ponte com as pessoas”, explica Calbucci. A empatia é uma das cinco competências abordadas pelo Programa Semente, de aprendizagem socioemocional. “Ela diz respeito à capacidade de [...]

25 05, 2018

Nova Escola: “Habilidades socioemocionais são tão importantes quanto os rankings”

2018-05-25T14:26:22+00:00 Semente na Mídia|

Veículo: Nova Escola Estudo aponta desempenho melhor dos alunos que passam por aprendizado dessas competências As escolas brasileiras terão de incluir as habilidades socioemocionais nos seus currículos, a partir de 2020, conforme prevê a nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Projetos como o Guia da Base - Competências Gerais e iniciativas como a do Porvir destacam a importância da aplicação dessas habilidades em sala de aula. Mas faltava um estudo que mostrasse o avanço dos alunos a partir desse aprendizado. Uma pesquisa da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) aponta que alunos expostos a um aprendizado que inclui o desenvolvimento das competências socioemocionais apresentam um comportamento melhor e possuem mais autocontrole. Durante um ano, os pesquisadores acompanharam um grupo de 9,6 mil estudantes entre 10 e 17 anos. A partir do material desenvolvido pelo Programa Semente, o estudo mapeou o avanço nos níveis [...]

24 05, 2018

Plataforma online auxilia adultos na aprendizagem socioemocional

2018-05-24T14:21:00+00:00 Semente na Escola|

A Ostera foi desenvolvida pela equipe do Programa Semente e está em fase de testes O Programa Semente se prepara para lançar a Ostera, uma plataforma online de aprendizagem socioemocional. O conteúdo será composto por módulos que ajudarão o indivíduo a desenvolver o conjunto de aptidões necessárias para enfrentar dificuldades, lidar com as próprias emoções e se relacionar com os outros. Voltado para adultos, a plataforma poderá ser acessada por meio de computadores, tablets e smartphones. Por muito tempo acreditou-se que habilidades socioemocionais, como resiliência, empatia e capacidade de liderança, fossem competências inatas a alguns indivíduos, uma espécie de dom. Pesquisas internacionais, no entanto, apontam que tais capacidades podem ser desenvolvidas em qualquer idade por meio de conteúdos estruturados. Assim, a Ostera preenche uma lacuna nesse campo, colaborando com o desenvolvimento da inteligência emocional na vida adulta. Formação continuada da [...]

22 05, 2018

É possível dominar pensamentos e emoções

2018-05-24T11:53:45+00:00 Semente na Escola|

Eduardo Calbucci, professor e um dos criadores do Programa Semente, explica como domar ações desencadeadas a partir de sentimentos e emoções como raiva e medo É possível dominar pensamentos e emoções numa situação como essa: qual é a sua reação se, ao dirigir, um automóvel fecha seu carro repentinamente? A maioria das pessoas ficaria com muita raiva e xingaria o motorista. O que não nos damos conta nas atitudes do dia a dia é que entre uma emoção e uma ação existe um pensamento. Isso significa que o pensamento estrutura as emoções e, consequentemente, as ações que tomamos a partir delas. Assim, ao ser fechado no trânsito, o cérebro detecta perigo na situação e o pensamento de que o condutor é imprudente se externaliza através da raiva. O exemplo prático pode ser aplicado a muitas situações cotidianas, das mais banais [...]

18 05, 2018

O que o coordenador pode fazer para engajar o corpo docente

2018-05-24T11:54:36+00:00 Semente na Escola|

Desenvolver as habilidades socioemocionais com o corpo docente resulta em um grupo coeso que trabalha com propósito Fundamental no processo educacional dentro das escolas, o coordenador pedagógico tem entre suas funções orientar o trabalho dos professores. É ele quem forma o corpo docente de acordo com o projeto pedagógico da instituição - um desafio e tanto a ser enfrentado. Para isso, é necessário desenvolver habilidades como liderança e capacidade de se relacionar com o outro. Para Eduardo Calbucci, professor e um dos criadores do Programa Semente, o primeiro passo é o coordenador ter consciência da sua importância dentro da escola, já que o seu papel é muito maior do que apenas ajudar os professores a resolver problemas pontuais “Quando o profissional consegue a unidade da equipe, as pessoas se empenham muito mais para fazer o projeto pedagógico dar certo”, avalia. [...]

17 05, 2018

Aprendizagem socioemocional no Ensino Médio é demanda urgente

2018-05-24T11:55:47+00:00 Semente na Escola|

Competências já foram avaliadas pelo Pisa e começam a ser cobradas por empresas e vestibulares; estudante que desenvolve a aprendizagem socioemocional tem desempenho acadêmico 11% melhor A aprendizagem socioemocional, que compreende habilidades como empatia, responsabilidade e resiliência é essencial na vida de qualquer ser humano - e a escola deve se empenhar para inseri-la no currículo a fim de formar cidadãos emocionalmente saudáveis. Para especialistas, em meio à expectativa para a aprovação do texto final da Base Nacional Curricular Comum (BNCC) para o Ensino Médio, documento que norteará o que todos os alunos brasileiros devem aprender, o tema é uma das principais demandas. Celebrado por educadores, o ensino das chamadas habilidades socioemocionais será realidade para alunos do Ensino Fundamental, como propõe a BNCC para este ciclo. Segundo Eduardo Calbucci, professor e um dos criadores do Programa Semente, não há diferença [...]

10 05, 2018

Dr. Celso Lopes ministra palestra sobre a importância das habilidades socioemocionais do ponto de vista científico

2018-05-24T11:59:02+00:00 Semente na Escola|

O palestrante é educador e psiquiatra e um dos fundadores do Programa Semente Acontece no dia 15 de maio, às 19h, no Colégio Ágape, na cidade de Colombo, no Paraná, a palestra “Programa Semente: a importância das habilidades socioemocionais na formação de crianças e jovens”. O evento será conduzido pelo Dr. Celso Lopes, educador, psiquiatra e fundador do Programa Semente. A palestra é voltada a pais e professores. Na ocasião, o Dr. Celso apresentará as bases científicas do Programa Semente, que desenvolve o autoconhecimento, o autocontrole, a empatia, as decisões responsáveis e as habilidades sociais em crianças e adolescentes. O sistema de ensino atende atualmente cerca de 35 000 alunos e foi estruturado de acordo com o Casel, o principal centro de estudos de aprendizagem socioemocional do mundo. Em 2011, o Casel reuniu diversos pesquisadores em diferentes países para avaliar [...]

9 05, 2018

Escolas, busquem se adaptar à BNCC antes do prazo estabelecido

2018-05-24T12:01:52+00:00 Semente na Escola|

Inclusão da aprendizagem socioemocional ao texto é um dos pontos mais elogiados por educadores Todas as escolas brasileiras, públicas e privadas, precisarão se adequar às propostas da Base Nacional Comum Curricular, (BNCC) documento que norteia o conjunto de conhecimentos para todos os alunos da nação. Além de ensinar conteúdos de matérias regulares, como língua portuguesa, matemática, geografia e ciências, as instituições deverão ministrar também competências fundamentais, como as habilidades socioemocionais. Até dezembro de 2020, um comitê especial irá acompanhar a implementação da Base. Apesar do prazo, quanto antes as escolas se adequarem às propostas, melhor será para o aprendizado dos alunos. As chamadas habilidades socioemocionais foram adicionadas ao documento como conteúdo obrigatório. Desenvolver empatia, trabalho em equipe, resiliência, entre outros, é necessário para o crescimento profissional e individual de cada criança. O acréscimo dessas competências ao texto foi um dos [...]

4 05, 2018

Pesquisador internacional Alejandro Adler visita Programa Semente

2018-05-24T12:02:37+00:00 Semente na Escola|

Diretor de Educação Internacional do Centro de Psicologia Positiva da Universidade da Pensilvânia elogiou o rigor científico da metodologia de ensino do Programa Semente A sede do Programa Semente, em São Paulo, recebeu no último dia 27 de abril a visita de um dos grandes pesquisadores da área de educação socioemocional, o Professor Alejandro Adler, Doutor em Psicologia e Diretor de Educação Internacional do Centro de Psicologia Positiva da Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos. O Professor Adler veio ao Brasil para se atualizar sobre o que está sendo feito no campo da aprendizagem socioemocional. O pesquisador mexicano trabalha ativamente para a inserção da Educação Positiva - também chamada aprendizagem socioemocional - em países como Butão, Nepal, Índia, México, Peru, Austrália, entre outros. O seu esforço também consiste em mensurar o impacto da aprendizagem socioemocional na vida das pessoas. O [...]

25 04, 2018

Como a aprendizagem socioemocional influencia o corpo docente

2018-05-24T12:09:31+00:00 Semente na Escola|

Aplicar os domínios do Programa Semente, como autocontrole e decisões responsáveis, gera impactos positivos na vida pessoal não só dos alunos, mas também dos educadores Quando a diretora Ana Cristina Gandara implantou o Programa Semente no Colégio Santa Teresinha, em Bady Bassit, no interior de São Paulo, ela percebeu que a aprendizagem socioemocional dos estudantes também influenciava na vida pessoal do corpo docente. “Foi um divisor de águas”, conta. Ao desenvolver questões como autoconhecimento, autocontrole, empatia, decisões responsáveis e habilidades sociais com os alunos, o professor deve mergulhar igualmente nos temas. “Ao preparar a aula, não há a possibilidade de o educador não experimentar o que irá instruir”, afirma Gandara. De acordo com Eduardo Calbucci, professor e um dos criadores do Programa Semente, o impacto positivo na equipe pedagógica é um efeito natural da metodologia. “Procuramos estar bem perto dos [...]