Habilidadessocioemocionais

30 08, 2018

Direcional Escolas: “Escolas do futuro ensinarão mais habilidades socioemocionais do que conteúdos”, diz especialista em educação básica

2018-08-31T14:12:23+00:00 Semente na Mídia|

Veículo: Direcional Escolas Os novos rumos do mercado educacional, as mudanças que estão impactando o currículo escolar, as novas competências do século XXI e a inserção das habilidades socioemocionais na grade curricular foram temas abordados durante encontro em SP Um evento realizado na última terça-feira (28) pelo Programa Semente, “Tendências da Educação 2019”, no Novotel Center Norte,  em São Paulo, Mario Ghio, um dos executivos mais influentes da Educação Básica, presidente da holding Saber, afirmou a importância de desenvolver a aprendizagem socioemocional nas escolas brasileiras, para acompanhar as tendências da educação: “se as escolas não se atentarem sobre as habilidades socioemocionais, não haverá alunos; no futuro, as instituições de ensino irão perder o caráter instrucional para se tornar ambientes de aprendizagem colaborativa e de relacionamento”, disse. Com a presença dos palestrantes Leandro Karnal e do fundador do Programa Semente, Celso Lopes [...]

27 08, 2018

NUBE: A pressão do 2º semestre escolar

2018-08-31T14:19:41+00:00 Semente na Mídia|

Veículo: NUBE O segundo semestre passa voando e os meses são marcados pela pressão em todos os níveis da estrutura escolar. Enquanto os coordenadores têm de apresentar resultados, os professores precisam dar conta do conteúdo e conduzir outras atividades. Por sua vez, os alunos enfrentam os desafios de manter boas notas, recuperar as ruins, e, no caso do ensino médio, estudar para o vestibular. Contudo, esse período pode ser melhor administrado quando os domínios socioemocionais são colocados em prática. Para Tania Fontolan, diretora-geral do Programa Semente, a tomada de decisões responsáveis é essencial no planejamento. Assim, é válido aproveitar experiências de anos anteriores para reforçar os pontos positivos e ajustar os negativos. “Parece óbvio, mas, na ansiedade, muitas pessoas se atrapalham para organizar os próximos passos e utilizam pouco a boa vivência acumulada”, explica a educadora. Então, tomamos decisões melhores [...]